Search
Close this search box.

Pelo em excesso em cães: causas e como tratar

Se você é dono de um cachorro e está se perguntando “por que meu cachorro está soltando tanto pelo?”, saiba que não está sozinho. O excesso de pelos em cães é uma preocupação comum entre os tutores de pets. Neste artigo, vamos abordar as possíveis causas desse problema e como você pode tratá-lo. Afinal, a saúde e o bem-estar do seu melhor amigo são prioridades.

Causas do pelo em excesso em cães

Gênero e Idade

Os cachorros soltando muito pelo podem ser influenciados pelo gênero e idade do animal. Cães machos tendem a ter uma pelagem mais densa do que as fêmeas, e os mais velhos geralmente possuem pelos mais espessos do que os mais jovens.

Raça

Algumas raças de cachorros, como Terriers e Caniches, são mais propensas a soltar muito pelo devido à densidade e propensão a nós e emaranhados em suas pelagens.

Hábitos de tosquia e corte de pelo

Se você não corta o pelo do seu pet regularmente, ele pode acabar ficando mais denso e propenso a formar nós. Além disso, certos cães podem se esfregar em objetos, contribuindo para a formação de emaranhados.

Descubra Como Adestrar Seu Cão Com o Ebook Adestramento Canino em Casa! Você sabia que é possível transformar o comportamento do seu cão em apenas 20 minutos por dia? O E-book Adestramento Canino em Casa é a ferramenta que você precisa para ensinar seu cão a ser mais calmo, obediente e dócil. Com esse guia exclusivo, você terá acesso a técnicas para treinar seu cãozinho com eficácia. Se quiser saber mais basta clicar no botão logo abaixo:

Como identificar se o seu cão está com pelo em excesso

Para identificar se o seu cão está com pelo em excesso, é fundamental observar alguns sinais. Verifique se há nós ou enredos na pelagem, se ela está opaca ou seca, ou se há uma queda excessiva de pelos. Além disso, fique atento se o seu cão está se coçando ou mordendo a própria pelagem, pois isso pode indicar desconforto.

Outro ponto importante é observar se a pelagem do seu cão está com um aspecto saudável e brilhante. Caso perceba qualquer alteração na textura ou no brilho do pelo, pode ser um sinal de que algo não está certo.

A presença de caspas também pode indicar um problema com a pelagem do seu cão, assim como a presença de áreas sem pelo ou irritadas na pele. A coceira excessiva também é um indicativo de que algo está errado com a pelagem do seu pet.

Portanto, ao identificar qualquer um desses sinais, é essencial investigar a causa do pelo em excesso e buscar orientação de um profissional. Agir rapidamente pode ajudar a evitar problemas mais sérios de saúde para o seu companheiro de quatro patas.

Importância da escovação regular para reduzir o pelo em excesso

Escovar o pelo do seu cão regularmente é fundamental para manter a saúde da pelagem e prevenir o pelo em excesso. Além de manter o pelo bonito e brilhante, a escovação ajuda a remover nós e enredos que podem se formar, principalmente em raças com pelos mais densos.

Ao escovar o seu pet com frequência, você estimula a circulação sanguínea na pele, o que contribui para a saúde e o brilho do pelo. Além disso, a escovação regular ajuda a distribuir os óleos naturais produzidos pela pele do cão, garantindo uma pelagem saudável e hidratada.

Outro benefício importante da escovação é a possibilidade de identificar problemas de saúde precocemente. Ao passar a escova, você pode observar se há presença de pulgas, carrapatos, ou mesmo feridas na pele do seu cão. Dessa forma, a escovação regular não só ajuda a reduzir o pelo em excesso, mas também auxilia na manutenção do bem-estar e saúde do seu animal de estimação.

Alimentação adequada para prevenir o excesso de pelo em cães

A alimentação adequada desempenha um papel fundamental na saúde do pelo do seu cão, ajudando a prevenir o excesso de pelo e mantendo sua pelagem brilhante. Uma dieta equilibrada, rica em proteínas, vitaminas e minerais, é essencial para garantir que seu cão tenha um pelo saudável e bonito.

Ao escolher a ração para o seu cão, opte por alimentos de alta qualidade, sem adição de açúcares e aditivos que possam prejudicar a saúde da pele e do pelo. Os nutrientes presentes na comida do seu cão desempenham um papel crucial na aparência e na qualidade do pelo, por isso é importante investir em uma alimentação balanceada e nutritiva.

Além disso, é essencial garantir que seu cão esteja recebendo água suficiente para manter a hidratação adequada. A desidratação pode afetar a saúde da pele e do pelo do seu cão, levando a problemas como pelo seco e quebradiço. Certifique-se de que seu cão sempre tenha acesso a água fresca e limpa para ajudar a manter sua pelagem em ótimo estado. Com uma alimentação adequada e balanceada, você pode ajudar a prevenir o excesso de pelo em seu cão e garantir que ele tenha uma pelagem saudável e brilhante.

Tratamentos e cuidados para reduzir o pelo em excesso em cães

meu cachorro está soltando muito pelo

Quando seu cachorro está soltando muito pelo, é importante adotar alguns cuidados para ajudar a reduzir essa situação. Além da escovação regular, existem outras medidas que podem ser tomadas para manter a pelagem do seu pet saudável e bonita.

Um dos tratamentos mais eficazes é o corte de pelo regular. Especialmente para raças com pelagens densas e propensas a formar nós, como os Terriers e Caniches, manter o pelo aparado pode ajudar a evitar emaranhados e facilitar a manutenção.

Além disso, o banho regular é essencial, mas é importante não exagerar. Banhos em excesso podem retirar os óleos naturais da pele do cachorro, levando a problemas dermatológicos. Portanto, mantenha uma frequência adequada de banhos para garantir a higiene sem prejudicar a saúde da pele e do pelo.

Outra opção é o uso de suplementos, como o óleo de peixe, que pode contribuir para a saúde da pelagem do seu cão. Esses suplementos são uma forma complementar de nutrição que pode ajudar a manter o pelo brilhante e forte.

Em caso de persistência do problema, consulte um veterinário para investigar se há alguma questão de saúde subjacente causando o excesso de pelo. Lembre-se de que a saúde e o bem-estar do seu pet vêm em primeiro lugar, então sempre busque orientação profissional quando necessário.

Consulte um veterinário: quando o pelo em excesso pode indicar um problema de saúde

Se você perceber que o seu cão está soltando muito pelo, pode ser um sinal de que algo está errado com a saúde dele. A queda excessiva de pelo pode indicar problemas como alergias, doenças de pele ou desequilíbrios hormonais.

Além disso, se o pelo do seu cão estiver sem brilho, se ele estiver se coçando com frequência ou se houver áreas sem pelo em seu corpo, é importante consultar um veterinário. Esses sintomas podem apontar para condições médicas que precisam de tratamento.

Os cuidados com a pelagem do seu cão são essenciais, mas é fundamental estar atento a possíveis sinais de problemas de saúde. Um veterinário poderá avaliar a condição do pelo do seu cão, fazer exames e diagnosticar qualquer condição subjacente que esteja causando a queda excessiva de pelos. Portanto, não hesite em procurar ajuda profissional se notar algo incomum na pelagem do seu pet.

Portanto, é essencial estar atento aos sinais de pelo em excesso no seu cão e tomar medidas preventivas para manter a saúde da sua pelagem. Com a combinação de uma dieta adequada, escovação regular e cuidados específicos, você pode ajudar seu amigo peludo a ter um pelo brilhante e saudável. Lembre-se sempre de consultar um veterinário caso note alguma alteração significativa na pelagem do seu pet, pois isso pode indicar um problema de saúde mais sério.

Livro Digital Gratuito: Como Adestrar Cachorro em 6 Comandos Básicos!

Este guia essencial ajudará você a ensinar seu cão a obedecer aos comandos mais importantes de forma simples e eficaz. São dicas práticas e fáceis de seguir!

Preencha o formulário e receba diretamente no seu e-mail o e-book gratuito:

Formulário Livro Digital

Deixe um comentário